Documentos para Fazer a Declaração do IRPF 2021

Confira aqui quais são os principais documentos exigidos para realização da Declaração do Imposto de Renda 2021.

Ano novo, vida nova e olha quem está chegando: o Leão! Sim, o prazo para fazer a declaração do imposto de renda já está rodando e a ampulheta costuma atrapalhar quem não se organiza com antecedência. Portanto, prepare os documentos e planeje a declaração com tempo, assim você evita cair na malha fina em 2021.

Está com dúvidas sobre quais documentos são necessários para fazer a declaração do IR 2021? Não se preocupe! Continue lendo o nosso post e descubra o que você precisa ter em mãos para elaborar a declaração com a máxima eficiência e cuidado.

Foi dada a largada para a declaração IR 2021

Já é de praxe! O prazo para realizar a declaração do imposto de renda começa no início do mês de março e costuma finalizar nos últimos dias de abril. Seguindo o cronograma, em 2021, o prazo para enviar as declarações se encerra no dia 30 abril. Neste ano, a Receita Federal estima que sejam entregues 32 milhões de declarações até o final do prazo, aproximadamente. Porém, o que acontece se alguém esquecer de encaminhar a declaração nesse prazo?

Logicamente, a Receita aplica uma multa no caso de “esquecimento” de 1% encima do imposto considerando o mês oscilando assim, entre R$ 165,74 e um valor máximo de 20% sobre o imposto devido.

Documentos necessários para fazer o IR 2021

Se você entrega a declaração há algum tempo, deve saber a importância de contar com o hall de documentos organizados e disponíveis para prepará-la da maneira correta e evitar problemas com o fisco, não é mesmo? Pois bem, antes de preencher os campos do sistema, é bom fazer um rastreio cuidadoso dos documentos necessários para iniciar o processo. Mas afinal, quais são estes documentos?

Leia também:  Consulta ao último lote do IR 2013 - Receita Federal

Antes de iniciar a lista, é preciso lembrar que qualquer tipo de movimentação precisa ser devidamente justificado através de documentos. A continuação, conheça detalhadamente quais os comprovantes demandados para cada tipo de classificação:

Informações básicas

O primeiro ponto é contar com os dados gerais acerca da vida do contribuinte, para isso, é preciso considerar:

  • Nome, documentos de identificação como CPF próprio e de cada dependente, bem como datas de nascimento e endereço.
  • Dados bancários tanto para débitos das cotas como para restituição de valores.
  • Cópia da última declaração de IR de pessoa física entregue à Receita Federal.

Renda

Para comprovar a renda, é preciso ter por perto os seguintes documentos:

  • Relatórios de entidades e instituições financeiras, inclusive, corretora de valores.
  • Informes de rendimentos ou holerites, entre eles, pró-labore, salários, pensão ou aposentadoria.
  • Declarações ou comprovantes de aluguel de bens tanto móveis quanto imóveis recebidos de empresas (pessoas jurídicas).
  • Declarações, comprovantes ou informações sobre outras rendas como herança, doação ou pensão alimentícia.
  • DARFS de carnê-leão ou resumo do livro caixa onde conste o cálculo do carnê-leão.

Direitos e bens

Para declarar bens e direitos, você precisa ter em mãos:

  • Contratos sociais de empresas que certifiquem a sociedade do contribuinte.
  • Declarações ou documentos que comprovem a compra e/ou a venda de direitos –como herança- e bens.
  • Matrícula do imóvel vendido e/ou comprado.
  • Contrato ou escritura de compra e venda de bem imóvel.
  • Carnê, boleto ou comprovante de pagamento do IPTU 2020.

Doações e pagamentos

  • Boletos de pagamento de plano e/ou seguro de saúde (precisa constar o CNPJ da emissora e a identificação do paciente).
  • Comprovantes financeiros de gastos médicos e odontológicos especificando o registro de PJ da empresa ou número do CPF do profissional de saúde, assim como a identificação do paciente.
  • Comprovantes de doações.
  • Comprovantes de pagamento de pensão alimentícia individual em virtude de decisão da justiça.
  • Recibos, comprovantes de gastos com educação constando tanto o CNPJ do emissor e a identidade do aluno.
Leia também:  Como Entregar a Declaração do Imposto de Renda - Passo a Passo

Dívidas

É importante que o contribuinte declare todas as obrigações adquiridas seja em virtude de ônus contraídos, seja por dívidas pagas durante o período.

Quantos dados e informações, não é mesmo?

Agora que você conhece todos os documentos demandados para fazer a IR 2021, faça uma lista e procure reuni-los o quanto antes, assim você terá as informações que precisa para fazer a declaração da forma correta e evitar problemas futuros como cair na malha fina 2021.

Gostou do nosso conteúdo, porém ficou com algumas dúvidas? Entre em contato conosco e faça agora mesmo as suas perguntas. Estamos a sua disposição!

Por Melina Mariel Menezes Pereda

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *