Consulta a lote residual de restituição do Imposto de Renda 2020



A Receita Federal abre consulta para quem tem restituição do Imposto de Renda 2020 ao lote residual. Até o momento são mais de 200 mil contribuintes que passaram pela malha fina que precisam acertas as contas para receber o dinheiro.

A receita federal abriu as consultas no ultimo dia 23, para quem precisar consultar o lote residual da restituição, esses valores devem ser depositados no dia 30 de novembro.



Os beneficiários terão acesso disponível a partir das 10 horas na página oficial da Receita Federal na internet, e a consulta pode ser feita também pelo telefone 146 ou no atendimento do Centro de Atendimento Virtual da Receita (e-CAC).

Quem são os beneficiários?



Ao todo serão 198.967 contribuintes que devem ser beneficiados, recebendo em torno de R$ 399 milhões em restituição. Desse total, por volta de R$ 143,88 milhões devem ser pagos a mais de 45 mil pessoas com mais de 60 anos, que também são contribuintes ou que tenham algum tipo de deficiência ou doença grave.

A Receita Federal orienta que os contribuintes que possuem a declaração não liberada ou pendente em algum quesito, que acessem o portal e-CAC e regularizem a situação o quanto antes, através de uma declaração retificadora. O portal pode ser acessado com um código digital, que normalmente é o número do recibo, presente nas últimas declarações.

Onde recebo o valor da restituição?

Quem tiver o direito de receber a restituição, deve ter o valor depositado em uma conta informada na própria declaração do Imposto de Renda. Quem não possui essa conta cadastrada ou informada, ou se ela estiver desatualizada, basta ir a qualquer agência do Banco do Brasil para regularizar a situação ou ligar nos telefones:

  • 4004-0001 (capitais)
  • 0800-729-0001 (demais localidades)
  • 0800-729-0088 (para deficientes auditivos)
Leia também:  Declaração de IR completa ou simplificada?

O crédito pode ser agendado para ser depositado em conta corrente ou poupança que esteja no nome do declarante, em qualquer instituição financeira. O pagamento pode ser agendado dentro do portal do Banco do Brasil.

A restituição do Imposto de Renda 2020 fica disponível apenas durante um ano. Caso o contribuinte não faça o resgate no prazo devido, é preciso fazer um requerimento do valor, através da internet. Na página da Receita, é possível encontrar o formulário eletrônico, com o nome de “Pedido de Pagamento de Restituição”, que deve ser preenchido.

O que é a restituição do Imposto de Renda?

A restituição do Imposto de Renda é feita através da Secretaria da Receita Federal, para o contribuinte que se encaixe para receber em débito na sua conta os valores correspondentes. O valor acumulado se dá todos os anos, no mês de maio do mesmo ano da declaração, até o mês anterior que o montante foi pago.

Esse valor é a devolução do valor que você paga a mais para a Receita Federal no ano anterior. Sendo assim, quando você entrega a declaração e ela é positiva, significa que o contribuinte precisa pagar tributo, quando ela é negativa, então existe um salto a ser recebido, a famosa restituição do imposto de renda.

Esse cálculo pode ser feito de diversas formas, mas de uma maneira geral, o que determina se o saldo é positivo ou negativo, são as deduções da declaração. Na prática, quanto mais gastos o contribuinte possui, mais ele pode abater, e com isso, maior chance ele tem de ter algum valor para receber ao final do processo.

Esse valor ainda é acrescido o valor de 1% ao mês até o depósito, até quando ele é depositado no banco. Depois de deposito da conta do contribuinte, o valor não rende mais, a menos que o depósito seja feito em uma conta poupança, que tenha algum tipo de rentabilidade própria maior.

Leia também:  Consulta aos lotes do IR mostra se contribuinte está na malha fina

Próximo Post

Não há mais posts

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *